Monthly Archives: Janeiro 2015

saudade


Ensinou-me a Vida tanto Desde a tua partida Que angústia, e que pranto Que Tristeza desmedida Partiste meio a sorrir E numa Paz tão merecida Parecias estar a dormir Na hora da despedida Porém não cheguei a tempo De me … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Eu


“… E de novo acredito que nada do que é importante se perde verdadeiramente. Apenas nos iludimos,julgando ser donos das coisas, dos instantes e dos outros. Comigo caminham todos os mortos que amei, todos os amigos que se afastaram, todos … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário